Últimas Notícias:

[Resenha] Adeus à Inocência, Drusilla Campbell

 Livro: Adeus à Inocência 
Autora: Drusilla Campbell
ISBN: 978-85-8163-276-6
Páginas: 270 
Editora: Novo Conceito 

"Madora tinha 17 anos quando Willis a “;resgatou”;. Distante da família e dos amigos, eles fugiram juntos e, por cinco anos, viveram sozinhos, em quase total isolamento, no meio do deserto da Califórnia. Até que ele sequestrou e aprisionou uma adolescente, não muito diferente do que Madora mesmo era, há alguns anos...
Então, quando todas as crenças e esperanças de Madora pareciam sem sentido — e o pavor de estar vivendo ao lado de um maníaco começava a fazê-la acordar —, Django, um garoto solitário, que não tinha mais nada a perder depois da morte trágica de seus pais, entrou em sua vida para trazê-la de volta à realidade. Quem sabe, juntos, Django, Madora e seu cachorro Foo consigam vislumbrar alguma cor por trás do vasto deserto que ajudou a apagar suas vidas?"





Bom dia gente! Decidi fazer algo diferente , em vez de toda a formalidade das resenhas, vou contar a história em estilo crônica, minha visão sobre o livro!! Se não for a mesma que a sua, venha discutir sobre nos comentários comigo!!! Vamos lá.


Primeiramente queria dizer que achei o livro um tanto novela das nove, porém bem interessante.

Contraditório ? sim, totalmente. O livro começa com uma garota perdida ,que adotava uma vida baseada em festas e baladas, tinha uma convivência um tanto conturbada com sua família, e por isso vivia grudada em sua melhorar amiga que não era muito diferente dela. Em uma das saídas da balada encontrou seu quase príncipe encantado que fez jus à um bom samaritano mas que demonstrou ser um bom canalha com o passar dos anos. Madora foi morar com Willis no meio do nada (Deserto da Califórnia), a vida dos dois estava estranhamente normal  ate que ele leva para casa uma adolescente grávida, alegando estar à ajudando. Então Madora faz amizade com Django, um menino, bem esperto que sofre com a perda dos pais , depois da morte de seus pais , o garoto fica sob custódia de sua tia Robin. Até que a  mãe da tia de Django, sua vó, precisa de um enfermeiro, no caso  Willis, que só não comprou o diploma em medicina por falta de grana
Quando Madora fica amiga de Django,  um se torna o alicerce do outro e juntos eles descobrem uma maneira de conciliar as coisas, que já estavam inadmissíveis para ambos.

Minha opinião? Achei o livro interessante em partes, achei bem legal a genialidade e a personalidade do Django , na minha mera opinião ele roubou a cena, Madora foi muito conformada, no livro inteiro praticamente, só se espertou com a ajuda do menino achei que apesar de todos os dramas do livro a autora conseguiu dar importância pra historia dos coadjuvantes , como a tia do Django , e seu pai. O que não é muito comum, mas interessante . Sou muito criteriosa em relação a finais de livro, e sempre me decepciono , mas foi diferente dessa vez, um final esperado. 


Espero que tenham gostado! Abraçossss!

Livro cedido pela editora Novo Conceito

2 comentários:

  1. Trata um tema bem complicado, sequestro! Achei a resenha interessante! Fiquei curiosa!
    Beijos!

    Sociedade do Esmalte

    ResponderExcluir
  2. Com certeza Paty, o livro é realmente bem interessante! Mate sua curiosidade mesmooo! Obrigada pela visita! Abraços!!!

    ResponderExcluir

Dê sua opinião e ajude o Baú!

Baú de Histórias Designed by Templateism.com Copyright © 2014

Layout feito pelo blog lamoonier.blogspot.com.br e ilustração porhttp://www.kaccaucarvalho.com/ . Tecnologia do Blogger.