Olá! Meu nome é Carolina Piovesan mas podem me chamar de Carol. Sou estudante de Biomedicina, amante de literatura e dona de uma loja online no Twitter (@ineedushop) de produtos fanmade kpop.

18/10/2015

Olá pessoal!

         Quem me acompanha no instagram (@srta_piovesan) ou no facebook pessoal sabe um pouco de como foi meu feriado de dia das crianças + dia dos professores + conselho de classe. Para quem só visita o blog,  resolvi fazer um post rapidinho para manter vocês atualizados com minhas leituras. Essa é primeira parte das leituras que vou destinar aos quatro quadrinhos lidos:




Arlequina: volumes 5, 6 e 7 (4.5/5)
 
         O que dizer das hqs da Arlequina? Elas são simplesmente incríveis gente! É muito amor! Neste fim de semana eu acabei lendo três volumes (5º, 6º e o 7º) e posso dizer que essas histórias estão me deixando cada vez mais louca para assistir o filme do Esquadrão Suicida que para quem não sabe ela (Dr.Harlequin Quinzel) faz parte do elenco principal. 

         Sabe aquele personagem que não é um vilão e nem um mocinho? Arlequina é basicamente uma assassina para fins próprios ou para ajudar alguns de seus amigos que foi o caso de um desses volumes.

         Além de ser super divertido, tem bastante sangue, temos o bônus da Era Venenosa! Pode ser um spoiler o que vou dizer mas ambas tem um relacionamento gay não explicito mas perceptível. Adorei! DC lacrando na cara do preconceito =)

Cable: Sangue & Metal parte 1 (3/5)

        Esse foi um achado no sebo, eu estava a procura de um quadrinho barato e diferente do que todos estão lendo ultimamente, depois de muita procura achei um pacotinho com as duas partes dessa edição de Cable do arco Sangue & Metal. Foi super barato, paguei R$3 nas duas e elas estão em perfeitas condições (lembrando que elas são de 1996) =)

         A história é um pouco confusa no começo mas creio que seja porque eu nunca havia ouvido falar qualquer coisa do personagem Cable, porém fiquei feliz que isso não prejudicou minha leitura. Logo somos apresentados a um grupo (vilão) que estão cometendo um roubo de uma espada antiquíssima de pedra pertencente ao museu. Obviamente a equipe mocinha (onde o Cable faz parte) consegue interceptar o roubo e recuperar a espada. 

        Acontece que, esses roubos continuam e sempre são peças únicas que na maior parte das vezes pertencem a museus de diferentes partes do mundo. O objetivo do hq - creio eu - é encontrar um padrão/objetivo dos roubos e derrubar o grande vilão Conflyto. Ao mesmo tempo ocorre um reencontro de ex-amigos que hoje são inimigos cruéis. 

        Pois então, é uma coisa bem confusa não? Eu gostei! Apesar dessas duas situações que acontecem paralelamente entre si, e de mudança temporal (cenas do passado e presente juntas) eu gostei bastante ^^ Agora falta ler a segunda parte e volto aqui ou lá no insta para contar o que eu achei de Sangue e Metal.


        Por hoje foi só. Em breve venho trazer meus comentários sobre os dois livros que li neste feriado prolongado e ainda talvez, comento rapidinho sobre as séries/filmes que assisti. Beijos!

09/10/2015


Saudações! 

I CAME BACK! 

Estou viva sim e super atropelada com essa rotina de vestibulanda etc por isso me desculpem pela mega ausência por aqui. Hoje trago resenha da Editora Única do livro Incrível -  Sara Benincasa. Bora lá?


Título: Incrível
Original: Great
Gênero: Ficção norte-americana
Autor: Sara Benincasa
Formato: Físico
Editora: Única (Gente)
Páginas: 256
Ano: 2015
Nota: 3.0/5


“Eram olhos repletos de esperança — esperança irracional, espantosa e, às vezes, até irritante. Esperança de que, de alguma forma, tudo daria certo, mesmo quando estava claro que seu sonho lhe escapava como areia por entre os dedos de uma criança. Naomi Rye simplesmente odeia quando chega o verão e ela é obrigada a ficar com sua mãe socialite em East Hampton. Afinal, ela definitivamente não pertence àquele mundo de glamour e adolescentes mimados. No entanto, tudo pode ser diferente neste verão, pois a casa vizinha foi alugada pela linda e misteriosa Jacinta Trimalchio, que sabe como impressionar com suas festas suntuosas e selvagens e, claro, seu badalado blog Incrivel.com. Jacinta tem as próprias razões para se aproximar de Naomi: Delilah Fairweather. O envolvimento dessas garotas poderá culminar em grandes tragédias, e o mundo de riqueza e esbanjação cuidadosamente construído por aqueles jovens ricos poderá cair em pedaços. Naomi agora precisa decidir se está disposta a ser puxada por essa vida que por tantos anos rejeitou, ou se enfim cederá aos encantos da misteriosa e fascinante vizinha. Inspirada no clássico O grande Gatsby, Sara Benincasa traz todo drama, glamour e romance com um toque moderno (e escandaloso)!”
         Incrível da autora Sara Benincasa vai nos contar a estória de adolescentes de classe média alta em suas obsessões e segredos.
 
         Com a promessa (cumprida) de unir o universo de Gossip Girl - Blair s2 -  e O Grande Gatsby, o livro já mostra de cara que poder, dinheiro, extravagância e até mesmo inconsequência vai permear por todo o enredo, dito e feito.

         Naomi é uma adolescente comum que teve seus pais separados há algum tempo, mora com seu pai na cidade de Chicago e passa as férias com sua mãe na cidade de East Hampton. Seu pai é um homem aparentemente comum que vive uma vida normal para a classe média, já sua mãe é uma “profissional gourmet” super famosa pela elite do local.

         A garota tem um estilo leve, não se vê vivendo num mundo rico e glamoroso, cheios de paparazzi que impedem a privacidade de qualquer um. Até que um belo dia ela conhece Delilah uma garota rica que é a personificação da riqueza, bons modos (a patricinha perfeita de Gossip Girl). Daí por diante, Naomi tem sua vida sendo alterada e seus costumes postos a prova uma vez que a blogueira Jacinta Trimalchio muda-se a cidade de East Hampton e abruptamente aproxima-se da garota com intenções duvidosas.

         Claro que não podia faltar os romances vividos por todos os adolescentes da face da terra. Para este papel temos Teddy, namorada da Delilah e Jeff melhor amigo de Teddy. Porém como nem tudo são flores, as intrigas e as falsidades – olhas as falsianes aí minha gente rsrs – começam a acontecer levando o leitor a questionar grande parte das atitudes de todos os personagens pois, percebe-se que a vontade de se destacar na socialite para alguns, ultrapassam as barreiras do coração.

         Contudo, achei a história um pouco fraca, esperava bem mais do final e um pouco mais de Gossip Gilr, afinal sou super fã da série de tv. Mas acho que o livro cumpriu seu objetivo: ser uma leitura fluída e divertida.

Apesar de não ser meu gênero comum de leitura:
 
         Obrigada editora Única por ceder este livro para resenha e até a próxima pessoal e não deixem de acompanha o #mêsdohorror lá no insta do blog: @srta_piovesan
Beijos!
 

Total de visualizações de página

Leitores

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *